Seja um voluntário

Transformando a pesquisa na América Latina e no Caribe

Princípios orientadores e uma pesquisa global sobre um novo tipo de avaliação de pesquisa foram anunciados pelo Fórum Latino-Americano de Avaliação de Pesquisa

O Conselho Latino-Americano de Ciências Sociais (CLACSO), uma rede acadêmica criada em 1967 e que hoje reúne 680 centros de pesquisa em 51 países, está convidando a comunidade científica a compartilhar pontos de vista sobre os princípios e recomendações para avaliação de pesquisas, recentemente elaborados pelo Fórum Latino-americano de Avaliação de Pesquisa (FOLEC- Foro Latinoamericano sobre Avaliação Científica) Já foram recebidas contribuições de uma consulta na América Latina e agora são mais amplamente solicitadas.

Nesta consulta internacional, a participação global ajudará a compreender melhor as diversas perspectivas, e melhor inserir, o debate latino-americano sobre avaliação da pesquisa no contexto de outras iniciativas e debates mundiais - contribuindo em particular para o processo de revisão da avaliação da pesquisa e seus indicadores.

Segundo o CLACSO, os principais objetivos do Fórum Latino-Americano de Avaliação de Pesquisa são:

  • Transformar o processo de avaliação acadêmica e direcionar a pesquisa científica às necessidades locais da América Latina e do Caribe;
  •  Fortalecer a participação da comunidade acadêmica latino-americana no debate internacional sobre ciência aberta;
  •  Produzir um debate amplo e plural que valorize a complexidade da região e a diversidade de conhecimentos e
  •  Gerar recomendações regionais e políticas de avaliação relevantes nos países da América Latina e do Caribe.

Para atingir esses objetivos, a FOLEC visa obter uma visão global sobre os princípios e compreender melhor as diversas perspectivas internacionais sobre avaliação de pesquisa, lançando uma pesquisa internacional a ser concluída até 23 de outubro de 2020.

Uma reunião virtual em 28 de outubro de 2020 intitulada “Rumo a uma transformação da avaliação de pesquisas SSH na América Latina e no Caribe”Também ocorrerá para promover o diálogo em torno da questão da avaliação da pesquisa. A reunião apresentará alguns dos desafios na avaliação da pesquisa em ciências sociais e humanas em uma região em desenvolvimento e compartilhará um resumo dos documentos e feedback recebidos e, em seguida, a parte principal da reunião será uma discussão aberta com os participantes.

Mais informações sobre FOLEC

Ao implementar esses princípios de avaliação de pesquisa, a FOLEC espera transformar o processo de avaliação de pesquisa em uma oportunidade de aprendizado para políticas locais, nacionais e científicas, bem como para os indivíduos e instituições sendo avaliados. Ao criar um processo de avaliação de pesquisa que valoriza as opiniões diversas de todo o mundo, a FOLEC visa criar um diálogo científico mais inclusivo e preciso no desenvolvimento de pesquisas e se adaptar à sociedade globalizada de hoje.

Alguns dos principais motivadores que a FOLEC levou em consideração na criação dos princípios preliminares incluíram:

  • A Recomendação da UNESCO para Pesquisadores Científicos e Científicos (2017) Afirmando que todas as políticas adotadas pelos países nos campos da ciência, tecnologia e inovação devem fazer parte do esforço integrado para a construção de uma sociedade mais humana, justa e inclusiva;
  • Sistemas de avaliação e como se relacionam com as ciências sociais;
  • O crescente consenso internacional de que a avaliação da produção científica tem gerado múltiplas distorções, incluindo a quantificação da avaliação da carreira acadêmica e a mercantilização do sistema de publicação científica.

Por meio da implementação dos princípios e recomendações da FOLEC para avaliação de pesquisa, CLACSO espera aumentar a acessibilidade e a responsabilidade da pesquisa nas disciplinas de ciências sociais e continuar a avançar na pesquisa desenvolvendo padrões de avaliação inclusivos que considerem os direitos humanos e o desenvolvimento.

Segundo o CLACSO, “o objetivo principal da avaliação acadêmica é o desenvolvimento de uma ciência de alta qualidade com pertinência social e respeito inclusivo a uma pluralidade de abordagens atuais”. Nesse sentido, a CLASCO espera redefinir o significado de “impacto” de forma a focalizá-lo na relevância social, bem como na transparência da avaliação dentro e fora da disciplina científica.

Os membros do ISC, particularmente aqueles da região, são encorajado a participar na chamada e atividades globais.


Foto por Jamie Taylor on Unsplash

Ir para o conteúdo